BARRACOS DE FAMÍLIA! Tema de hoje: “Não queira FODER com o BTS”

A seção pode ter demorado um tempo pra voltar, mas 2017 continua imbatível nos barracos. Só as ARMYs devem ter se envolvido em uns 47.

Essa semana foi revelado que BTS vai se apresentar no American Music Awards, o que é realmente UM PUTA FEITO! E como vocês já sabem, toda vez que BTS tem uma grande conquista, as ARMYs encontram um jeito de passar vergonha e dessa vez não foi diferente…

Leia mais »

Anúncios

LOONA continua a enrolação pra debutar, agora com um repackage do Odd Eye Circle

Para continuar segurando o hype até o eventual debut do grupo em 2035, LOONA não revelou nenhuma integrante em outubro e ao invés disso lançou um repackage do EP da unit que já conhecíamos, Odd Eye Circle. Haja paciência pra tamanha demora, mas as três gatas salvaram o girl crush do limbo em setembro com a maravilhosa icônica fenomenal Girl Front, será que o repackage manteve a qualidade?

Leia mais »

TWICE fecha seu ótimo 2017 com uma música estupenda

Para um grupo cujos três primeiros releases foram todos uma grande merda (ouvir Cheer Up é uma tortura até hoje), a discografia de TWICE sofreu uma grande reviravolta esse ano. Primeiro teve Knock Knock, que apresentou uma grande melhora; depois veio a incompreendida Signal em toda a sua glória; aí elas lançaram uma faixa inédita bem bosta no Japão, mas fez sucesso por lá, então foda-se. Agora, como se isso fosse nada, Nayeon e suas assistentes voltam pra encerrar o ano se superando mais uma vez com LIKEY!

Leia mais »

Playback e Pocket Girls voltaram. Um deles era melhor ter ficado em 2015…

Playback debutou lá no longínquo ano de 2015 com a faixa homônima “Playback“, o melhor debut daquele ano na minha inútil opinião. Depois elas lançaram uma musiquinha esquecível com Eric Nam e aí sumiram. Nesse meio tempo, a sasaeng do EXO chutada no pré-debut voltou e elas ainda foram adotadas por Tyler Kwon e Jessica, mas pouco fizeram na vida além de modelar BLANC&ECLARE… até agora, porque a espera acabou e o retorno finalmente aconteceu!!! Seria uma pena se o comeback fosse um tropical house…

Leia mais »

A.C.E continua mostrando seu potencial com Callin’

Eu não tenho muita paciência pra boyband, mas de vez em quando um milagre acontece e aparece uma lançando algo que preste, esse ano foi A.C.E. O grupo nugu recebeu muita atenção durante seu debut esse ano por ter lançado a ótima “Cactus” e talvez mais ainda por se apresentarem no palco com shorts tão curtos que pareciam cuecas. Os shorts foram embora, mas a música boa segue firme em seu primeiro comeback, Callin’.

Leia mais »

Esse ano não deve ter SHINee, mas o solo do Taemin compensa

É, esse blog andou vazio de posts nesse último mês. Eu estive ocupado demais esses dias pra fazer posts longos e o capope andou meio parado em termos de comeback pra eu fazer uma review curtinha, porque vocês bem sabem que eu prefiro morrer a ter de escrever sobre comeback meia-boca de boyband meia-boca feito GOT7 ou ASTRO, então tive de entrar em hiato forçado. Agora aqui vai minha primeira tentativa de consertar isso…

Leia mais »

IU se redime da chatice de Palette com “Eojetbam Iyagi”

Que Lee Hyori e BoA perdoem minha alma pecaminosa, mas a verdade é que a solista mais consistente do capope sempre foi a IU. Mas – e eu tenho certeza que sou a minoria falando isso – o álbum do começo do ano foi bem decepcionante. Eu nunca mais vou desejar que dois dos meus bias façam uma parceria se o resultado for novamente algo como isso… Mas felizmente a Irmãzinha da Nação que conhecemos e amamos está de volta!

Leia mais »